sexta-feira, maio 28, 2004

Diálogo

Vamos fazer alguma coisa?
Não posso. Tenho que estar às nove no parque.
Correr?
Beber café, sento-me num banco a observar pessoas.
De que é que estás à procura?
Nada. Pormenores, imperfeições, revelações de humanidade.
As tuas não são suficientes?
Perderam aquele impacto de algo novo. Gosto de pessoas com buracos nas camisas. Já não existem muitas. É pena.
És então um adepto de desleixo?
Não, apenas acho que perdemos demasiado tempo a arranjar aquilo que não tem importância.

(silêncio. ela olha para ele, ele para a janela, chuvisca e as luzes dos fárois de carros que passam desenham riscos brancos no ar)

(cantando em voz baixa) You have blue eyes, you have brown eyes, and I've never met no one quite like you before. No, I´ve never met no one quite like you before.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

/body>