sábado, maio 13, 2006

Fuck The DaVinci Code

O Book Review do New York Times convidou algumas centenas de críticos, escritores, editores e conhecedores (incluindo Mario Vargas Llosa, Ian McEwan, Stephen King ou Michael Cunningham) a indicarem qual a melhor obra de ficção americanos dos últimos 25 anos. Aqui fica a lista de vencedores e partilho o estúpido e infantil orgulho em constatar que Don DeLillo, o meu escritor americano preferido, tem três livros na lista. Talvez seja tempo de as editoras portuguesas começarem a traduzir alguns dos seus títulos, pelo menos o Underworld, obra absolutamente épica e visionária.

O VENCEDOR:
Beloved
Toni Morrison (1987)

LUGARES DE HONRA:
Underworld
Don DeLillo
(1997)

Blood Meridian
Cormac McCarthy
(1985)

Rabbit Angstrom: The Four Novels
John Updike
(1995)

American Pastoral
Philip Roth
(1997)

OS RESTANTES LIVROS TAMBÉM RECEBERAM MÚLTIPLOS VOTOS
A Confederacy of Dunces
John Kennedy Toole
(1980)

Housekeeping
Marilynne Robinson
(1980)

Winter's Tale
Mark Helprin
(1983)

White Noise
Don DeLillo
(1985)

The Counterlife
Philip Roth
(1986)

Libra
Don DeLillo
(1988)

Where I'm Calling From
Raymond Carver
(1988)

The Things They Carried
Tim O'Brien
(1990)

Mating
Norman Rush
(1991)

Jesus' Son
Denis Johnson
(1992)

Operation Shylock
Philip Roth
(1993)

Independence Day
Richard Ford
(1995)

Sabbath's Theater
Philip Roth
(1995)

Border Trilogy
Cormac McCarthy
(1999)

The Human Stain
Philip Roth
(2000)

The Known World
Edward P. Jones
(2003)

The Plot Against America
Philip Roth
(2004)

3 Comments:

Anonymous Anónimo said...

e David Foster Wallace, não aparece na lista? Infinite Jest é de 1997, acho eu

maio 13, 2006  
Blogger Tiago said...

Confesso, para grande embaraço, que nunca li. Bom? P.S. Acho que Infinite Jest foi editado em 96. Pelo menos é o que diz o google.

maio 13, 2006  
Anonymous Anónimo said...

prolixamente bom, digamos. Aparentemente, prepara-se uma tradução dele aqui no Brasil

maio 13, 2006  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

/body>