sexta-feira, abril 28, 2006

Conversa Banal Sobre Nada

A: Não me digas isso que eu...
B: ...eu... desculpa... mas...
A: O que é que estás a fazer?
B: Não sei.
A: Quem é que te dá o direito...
B:... não quis...
A:... de chegar aqui, assim...
B:...acho que pensei...
A:... e... quem é que pensas que...?
(um segundo de silêncio)
B: ...que ias gostar...
A: O que?
B: Acho que pensei que ias gostar.
(novo segundo de silêncio)
A: Não sabes que...
B: Não, eu sei. Mas...
A: ... que é impossível?
B: ... mas apesar de ser impossível...
A: O que é que estás a fazer? Mas o que é que pensas que estás a fazer? Isto não faz sentido nenhum.
B: Faz. É esse o problema, faz todo o sentido. Por isso é que tentei...
A: Que sentido?
B:... falar contigo...
A: Agora, assim?
B:...para te dizer...
A: Não sabes que...
B:... que...
A:... que eu não quero ouvir isso?
(novo segundo de silêncio)
B: Li numa revista que devemos ser honestos com... que devemos ouvir o... o nosso coração.
A: Pois, então talvez seja boa ideia deixares de ler revistas de merda.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

/body>